Casa Fiat de Cultura propõe reflexões sobre as angústias da humanidade na mostra Desolação

A exposição, do artista plástico Mateus Moreira, apresenta pinturas carregadas de sentimentos, que questionam as violências, as realidades e os temores da sociedade

Em meio a um bombardeio incessante de imagens e notícias, a vivência no mundo contemporâneo se mostra conflituosa. Dúvida e caos sobem ao palco. Como dar vazão a esses sentimentos angustiantes? Como resistir às opressões cotidianas? Para o artista plástico Mateus Moreira, as respostas se manifestam em tinta. Na exposição “Desolação”, situações que carregam significados ambíguos na memória humana e na própria existência do artista tomam forma em 15 pinturas a óleo. Nelas, o aspecto de cada pincelada convida à atmosfera inebriante das manchas, trazendo uma feroz analogia à realidade. A mostra, escolhida no 4º Programa de Seleção da Piccola Galleria, fica em cartaz de 5 de outubro a 28 de novembro e poderá ser visitada virtualmente, pelo site e redes sociais. Além do tour virtual 3D, serão oferecidas vistas virtuais mediadas. Para abrir a exposição, a Casa Fiat de Cultura realiza um bate-papo online ao vivo com o artista, no dia 5 de outubro, às 19h. A participação é gratuita, com inscrição pela Sympla.

A mostra apresenta imagens de um mundo estremecido. A fronteira entre sonho e realidade é abolida, misturando o onírico e o existencial, em espaços abertos e de grande tensão, sugerindo a ideia de que tudo acontece ao mesmo tempo. O artista busca reagir ao fulgor distópico atrelado ao convívio em sociedade, em uma tentativa de resistência ao sentimento de violenta opressão que maquina sobre as pessoas. As 15 pinturas despertam um sentimento em comum: o de desolação. Daí, o nome da exposição, que, embora não seja vinculada a um acontecimento especial, evoca a força interna dos fatos, por meio de composições imaginadas e reais. “A pintura é um lugar em que posso expressar meus sentimentos em relação às atuais condições sociais, políticas e afetivas, em uma realidade em que a esperança é duvidosa”, reflete Mateus Moreira.

Com referências artísticas como os pintores Claude Monet – que desbravou o universo da luz e da paisagem – e Alberto Giacometti – que teve a coragem e a persistência de migrar sua obra do surrealismo para o expressionismo –, Mateus Moreira expressa em tinta a sua percepção sobre fragmentos de vivências e do cotidiano. Sua pintura nasce abraçando a intuição, por meio de gestos rápidos e misturas fluidas. A cor surge da primeira tinta que suja o pincel na paleta. O tom predominante e a luz determinam a construção dos acontecimentos, em formas pictóricas que, ao final, resultam na obra singular do artista. “O processo de experimentação é constante e a despretensão é intrínseca. Quando o acúmulo de cores e matéria me intuem a parar, me distancio desse delírio”, explica.

Exposição virtual “Desolação”– Mateus Moreira na Piccola Galleria da Casa Fiat de Cultura

5 de outubro a 28 de novembro

Abertura da exposição virtual: Bate-papo ao vivo com Mateus Moreira
5 de outubro, das 19h às 20h, em transmissão ao vivo
Ingressos gratuitos pela Sympla: https://bit.ly/BatePapoMateusMoreira

Visitas virtuais com mediação online

  • 14 de outubro, às 19h
  • 21 de outubro, às 16h
  • 28 de outubro, às 19h (com tradução em Libras)

As datas de novembro serão divulgadas em breve.
Inscrições gratuitas pela Sympla

Casa Fiat de Cultura

Circuito Liberdade

Praça da Liberdade, 10 – Funcionários – BH/MG

Informações

(31) 3289-8900

www.casafiatdecultura.com.br

casafiat@fcagroup.com

facebook.com.br/casafiatdecultura

Instagram: @casafiatdecultura

Twitter: @casafiat

YouTube: Casa Fiat de Cultura

http://www.circuitoliberdade.mg.gov.br/

Mais informações sobre o artista
Instagram: 
@pteus_

Adicionar Comentários

Clique para comentar