Mercado de flores cresce mais que o PIB em 2018

As floriculturas já não são as mesmas há algum tempo. O ramo das flores sofreu uma repaginada, impulsionada por uma onda verde e uma tendência de autenticidade, que incentiva o uso da criatividade na hora de montar os arranjos: cada mix de plantas é único e exclusivo. Os tradicionais buquês, por exemplo, ganharam ares modernos, com um toque de design. E cada florista surgiu com um diferencial: delivery de bicicleta, flores exóticas, embalagens conceituais…

As mudanças parecem ter sido positivas. O Brasil segue como um dos 15 principais produtores de flores do mundo. A expectativa do Instituto Brasileiro de Floricultura (Ibraflor) é que as vendas cresçam cinco vezes a evolução do Produto Interno Bruto (PIB) do país em 2018. Entre as espécies de corte mais cultivadas, estão as rosas e os lírios. Das plantas em vasos, as orquídeas são uma das favoritas.

O mercado em ascensão tem influenciado quem já apostava no design floral e nas flores como decoração, levando os arranjos para outro patamar. Jovens mulheres começaram a compor ambientes com suportes e objetos decorativos para folhagens. O verde voltou para muitas casas, inclusive nas cidades grandes. E o mais interessante disso tudo é o entusiasmo em fazer esse processo à mão.

As pessoas perceberam que é possível criar os próprios arranjos e ter resultados incríveis. Salas de estar ficam mais aconchegantes, escritórios ganham charme, e consultórios se tornam mais intimistas. Qualquer um pode ser florista nas horas vagas. Basta deixar a inspiração levar a caminhos muitos criativos.

Arranjos modernos e fashionistas pelas suas mãos!

O design de flores é um jeito de imprimir a própria personalidade a partir de cores, tamanhos e texturas. Quem deseja fugir do óbvio e chegar a arranjos surpreendentes pode contar com a ajuda da Casa Beta, que oferece um curso totalmente online de Arranjos Florais. A videoaula é ministrada pela Bruna Rodrigues, da floricultura mineira Flora de Série, que ensina a fazer arranjos contemporâneos, bagunçadinhos, estilizados e orgânicos.

Criada pela jovem mineira Maria Fernanda Narciso, a Casa Beta é uma plataforma virtual de incentivo à criatividade feminina. Em parceria com mulheres artistas, mostra caminhos para as pessoas serem mais criativas a partir de aulas online sobre diversas habilidades, como fotografia, bordado e croqui de moda.

Com um editorial amplo, que engloba fotografia, design, decoração, entretenimento e

tecnologia, a plataforma também oferece conteúdo de estímulo à criatividade, como e-books totalmente gratuitos.

Casa Beta pode ser acessada pelo link www.casabeta.com.br .

Casa Beta – Experiências Criativas

Acesso: www.casabeta.com.br

Adicionar Comentários

Clique para comentar