Verbo:Gentileza – galeria virtual #ArteSalva 15/07

PROJETO VERBO:GENTILEZA LANÇA SEGUNDA EDIÇÃO DE PROJEÇÕES DA GALERIA VIRTUAL #ARTESALVA, DIA 15 DE JULHO

Ministério da Cidadania apresenta o Festival Verbo:Gentileza por meio da
Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio do Instituto Unimed-BH

Em tempos de pandemia mundial, o movimento colaborativo Verbo:Gentileza entra em seu quinto ano com uma certeza: a gentileza cura. E com a bagagem de muito diálogo com a comunidade, o projeto realiza novas iniciativas adaptadas ao contexto atual, como a galeria virtual #ArteSalva, que terá sua segunda edição no dia 15 de julho, às 19h.

Em parceria com o coletivo Projetemos, empenas de prédios de Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Fortaleza receberão projeções com obras de sete artistas: Fernando Evermontt, Filipe Albuquerque, Gui Moreto, Catapreta, Pablo Malafaia, Andréa Sobreira e Theodora Lima. O objetivo do projeto é dar visibilidade à produção artística durante o isolamento social e levar arte a quem está em casa.

Enviados pelos artistas por meio de um chamamento público, os trabalhos foram selecionados pelo curador Leandro Miranda. “Acreditamos que a gentileza cura e que a arte, de fato, salva. Não são só para quem consome, mas também para quem produz. Para nós, artistas, é fundamental vencer essa barreira e acreditar que nada vai nos impedir de criar. Por isso é um projeto tão importante”, conta.

Fotografias, vídeos, ilustrações vão ocupar as paredes formando uma verdadeira galeria a céu aberto, para o deleite de quem está no entorno. “A fotografia sempre esteve presente na minha vida me ajudando a contar histórias, a conhecer pessoas e a me conhecer melhor. Nessa quarentena ela tem me mantido são, tem feito eu me ressignificar e entender quem eu sou sem o meu objeto de trabalho”, conta o artista Filipe Albuquerque, de Maceió. “Arte é uma ida à superfície para respirar”, completa Fernando Evermontt.

A primeira edição de projeções da galeria #ArteSalva aconteceu no dia 28 de maio com um outro time de artistas. Em um segundo momento, os trabalhos irão compor uma galeria virtual no site (verbogentileza.com.br) e serão colocados à venda, como forma de contribuir com os artistas.

“Queremos mostrar a produção artística nesse período em que há muita angústia, mas que a arte se torna uma ferramenta de externar esse sentimento. Já o espectador tem um alento para os olhos e para a alma. A arte cura e conecta. E com isso podemos também democratizá-la, levá-la para dentro das casas das pessoas e contribuir para que artistas tenham visibilidade e possam, ainda, vender seus trabalhos. Porque a gente sabe que a arte salva, mas quem salva o artista?”, explica Patrícia Tavares, idealizadora do projeto.

Data/horário: 15 de julho, às 19h

Local: empenas de prédios em Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Fortaleza.

Mais informações: verbogentileza.com.br

Instagram.com/verbogentileza