Banda Lagum grava vídeo em defesa da Serra da Moeda

Nas imagens, artistas enaltecem o local de onde vieram, além de pedirem proteção para arsenal hídrico da região

Para conscientizar os fãs sobre a importância da preservação da Serra da Moeda, os integrantes da Lagum, banda de sucesso nacional que se formou em 2014, em Brumadinho, gravaram um vídeo postado nesse sábado (5), Dia Mundial do Meio Ambiente, nas redes sociais do grupo. A gravação foi feita a pedido da ONG Abrace a Serra da Moeda, entidade ambiental que atua em defesa dos recursos hídricos da região.

Durante o vídeo, os componentes da Lagum enaltecem o local de onde vieram, além de valorizarem o arsenal hídrico da região. O vocalista Pedro Calais, por exemplo, destaca sua infância vivida em Brumadinho, junto da família e dos amigos, e o fato de que toda a carreira dos músicos foi construída, justamente, na Serra da Moeda. “Desde o nome do grupo, que é uma referência a este lugar, onde nossa história começou, à nossa logomarca, um recorte da montanha com a lagoa, a Serra da Moeda é inegavelmente inspiração para a banda”.

Já o guitarrista Jorge ressalta o crime sofrido em Brumadinho, em janeiro de 2019, com o rompimento da barragem na Mina Córrego do Feijão, da mineradora Vale. “Esta é uma região que vive constantemente ameaçada pela exploração mineral e ambiental desenfreada”, pontua.

Por fim, o guitarrista Otávio Cardoso pede para toda a sociedade, tanto aqueles que moram em Brumadinho quanto os que são beneficiados pela abundância de água da região, protegerem os recursos hídricos do aquífero montanhoso. “A grande BH, por exemplo, é abastecida por rios que nascem na Serra”, enfatiza.

Para assistir ao vídeo do Lagum, clique neste link: https://www.instagram.com/tv/CP0owtvHHgA/?utm_medium=copy_link

Adicionar Comentários

Clique para comentar