Orquestra 415 de Música Antiga 27/06 a 28/06

Orquestra 415 de Música Antiga segue temporada 2019 com concerto dedicado às possibilidades orquestrais barrocas.

Nos dias 27 e 28 de junho, quinta e sexta feira, às 20 horas, no Palácio das Artes, a Orquestra 415 de Música Antiga segue sua temporada 2019 de concertos.

No concerto, a orquestra realiza um magnífico programa, escolhido cuidadosamente pelo maestro Eduardo Fonseca, o maestro convidado deste mês. O grupo abre a noite com a abertura de La Naiscence de Venus do compositor italiano radicado na França, Jean Baptiste Lully, uma obra de imenso vigor e energia. Logo após, apresenta o Concerto para Alaúde e Orquestra do compositor italiano Antônio Vivaldi, tendo como solista o alaudista João Gabriel Carvalho, integrante da orquestra. A peça é de grande delicadeza e proporciona uma sonoridade rara e diferenciada. A seguir, a orquestra executa a Trio-sonata VII de Purcell, dando continuidade ao programa, o grupo chama ao palco o solista André Cavazotti para apresentar o Concerto para Violino e Orquestra Opus 4 nº 4, novamente de Vivaldi. André Cavazotti é professor da UFMG, solista renomado e um experiente pesquisador de música antiga, tendo organizado as três primeiras edições da Semana de Música Antiga da UFMG. Para encerrar essa noite inesquecível, a peça escolhida é La Felicité do compositor francês Louis-Nicolas Clerambault, obra variada e diversificada que passa por várias características da música orquestral barroca.

Os concertos acontecem nos dias 27 e 28 de junho na Sala Juvenal Dias, sempre às 20 horas. A Sala Juvenal Dias fica no Palácio das Artes, Av. Afonso Pena, 1537. Os ingressos custam R$ 40,00 inteira e R$ 20,00 meia e já estão à venda na bilheteria do teatro ou pelo site www.ingressorapido.com.br

“Realizar mais um ano de temporada é sempre uma alegria enorme e um desafio severo. Estamos em nossa quinta temporada de sucesso provando que podemos realizar uma programação anual sem nenhum patrocínio, sem nenhuma ligação institucional, apenas com o respaldo do público”, diz o flautista da Orquestra 415, André Salles-Coelho.

A Orquestra 415 de Música Barroca é hoje a única orquestra do Brasil especializada em música barroca com instrumentos de época (cópias fieis de instrumentos originais do período) a realizar concertos mensais, regulares, com repertórios variados, sempre na mesma casa, caracterizando assim uma temporada regular.

“Os desafios de levar uma temporada assim são imensos, já que uma orquestra tem muitas demandas e, no nosso caso, são maiores ainda, pois tudo, instrumentos, partituras, interpretação, formação da orquestra, é tudo muito particular, especial, artesanal, o que exigiria muito investimento. E como não temos nenhum apoio, temos que fazer tudo na raça, na garra”, afirma Salles-Coelho.

Quando: dias 27 e 28 de junho, quinta e sexta feira.

Horário: 20h.

Local: Sala Juvenal Dias. Palácio das Artes. Av. Afonso Pena, 1537

Ingressos: R$ 40,00 inteira, R$20,00 meia.

Os ingressos já estão à venda na bilheteria do teatro ou pelo site www.ingressorapido.com.br