Moça e a borboleta no olho direito no Mural Templuz até 20/02

Novo Mural Templuz traz boas novas em meio a flores e borboletas

Obra de Dario Velasco ficará exposta até fevereiro de 2020

Uma borboleta que traz consigo esperança e boas novas para o ano que se inicia. Esta é a mensagem do novo Mural da Templuz, que ficará em exposição durante os meses de janeiro e fevereiro de 2020. Localizado na Avenida Nossa Senhora do Carmo, 1150, em Belo Horizonte (MG), o mural democratiza o acesso à arte na rotina corrida da capital mineira.

A moça em meio a flores com uma borboleta pousada sobre o olho direito, ilustra o mural.  A obra, criada pelo artista mineiro Dario Velasco, utiliza a técnica de carvão sobre papel e dá margem à imaginação e vida no contraste entre o preto e o branco.

Designer gráfico formando pela UEMG, Velasco acredita que o carvão se tornou a melhor solução para suas criações, pois demanda menos tempo para produção. “O carvão é preto no branco, e vai ao encontro de minhas inspirações de vida”.

Segundo o artista, a borboleta possui um significado especial, “é uma obra figurativa que fala de contrastes, surpresas no caminho e amizades descobertas no exato instante em que uma borboleta pousa sobre a moça. É a borboleta que vem trazendo boas notícias para os próximos meses”, afirma.

Duração: até 20 de fevereiro de 2020

Horário: qualquer horário

Local: Templuz Iluminação (Avenida Nossa Senhora do Carmo, 1150, Sion BH/MG)

Sobre o Mural Templuz

Localizado em uma das avenidas mais movimentadas de Belo Horizonte (MG), por onde passam mais de 100 mil carros por dia, o Mural Templuz tem por objetivo democratizar o acesso à arte e colocar um pouco mais de cor na rotina corrida da capital mineira. Desde sua criação, em 2011, artistas brasileiros e de diversas outras nacionalidades tiveram seus trabalhos expostos. Alguns foram destaque em uma coletânea comemorativa. “Nosso objetivo é contribuir para o cenário cultural de Belo Horizonte, modificando a paisagem urbana com arte de qualidade”, explica o designer e consultor estratégico da Templuz, Camilo Belchior, idealizador do projeto.

O paredão de seis metros de altura onde as obras são instaladas pertence à loja Templuz, que fica na Avenida Nossa Senhora do Carmo, 1150. Para serem adequadas ao Mural, as obras originais são redimensionadas por meio de plotagem e instaladas por uma equipe de rapel.