Inhotim entra na folia e oferece programação especial para o carnaval

O Instituto Inhotim oferecerá programação especial para os foliões durante o feriado de carnaval. As atividades serão realizadas ao longo do dia e podem participar crianças, jovens, adultos e quem mais se interessar. A proposta é que o público aproveite os espaços e obras do Inhotim para ter uma experiência diferente e deixar o Museu ainda mais animado e colorido.

Além de visitar os acervos artístico e botânico, o público está convidado a colocar a mão na massa para fazer lançadores de confetes e barangandãs. A atividade será realizada na Estação Educativa, sob mediação dos educadores do Inhotim.

Outra atração é a obra Piscina (2009), do artista argentino Jorge Macchi. Nos dias de carnaval, os visitantes poderão experimentar o trabalho de uma outra maneira, utilizando letras flutuantes para registrarem as suas percepções. Como de costume, a piscina também estará disponível para quem quiser nadar e se refrescar. Não se esqueça de levar o traje de banho.

Nas quarta-feiras, a entrada é gratuita, e o funcionamento do parque é de 9h30 às 16h30.

Cartão de vacinação

Ao entrar no Inhotim, todo visitante deve apresentar o cartão de vacinação a fim de comprovar que se imunizou contra a febre amarela há no mínimo dez dias. Em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, a medida foi adotada em 23 de janeiro para conscientizar o público sobre a importância de se vacinar contra a doença. O Inhotim já oferece aos visitantes repelentes, dispostos em locais estratégicos do Museu, como Recepção, Estação Educativa e pontos de alimentação.

O Instituto ressalta que não foi identificado nenhum caso de febre amarela no Inhotim e que continua tomando todas as medidas preventivas necessárias para combater a doença. A Instituição realizou campanha de vacinação com os funcionários e faz o monitoramento diário de animais.

PROGRAMAÇÃO CARNAVAL

– Estação Folia

A Estação Educativa para Visitantes convida adultos e crianças a construir brinquedos para cair na folia! Lançadores de confete e barangandãs arco-íris vão fazer a alegria da meninada e colorir os jardins do Inhotim. Venha se divertir com a gente!

Quando: 10 a 13 de fevereiro (sábado a terça-feira)

Público: livre

Horário: 10h às 12h

Local: Estação Educativa para Visitantes

Observações: a atividade será ofertada para 30 visitantes/dia

– Ativação poético-flutuante na Piscina (2009)

A atividade proporcionará uma outra experiência com a obra. Durante a mediação com a equipe do Educativo, os objetos que formam o trabalho – a agenda telefônica e a piscina – podem ser abordados, permitindo uma conversa sobre os limites entre o cotidiano e a arte contemporânea, a história da própria obra e de outros trabalhos de Jorge Macchi ou de outros site-specifics do Inhotim.

Quando: Até 13 de fevereiro

Público: Pessoas maiores de 18 anos e menores acompanhados pelo responsável

Horário: 14h às 16h

Local: obra Piscina (2009), ponto A15 do mapa

Observações: a atividade será oferecida para grupos de até 10 pessoas

– Visita Nos jardins do Inhotim, paisagismo e coleção botânica

A visita destina-se a todos aqueles que se interessam em entender a dinâmica do Jardim Botânico Inhotim por meio de uma mediação feita pelo engenheiro agrônomo do Instuto Juliano Borin. Temas como paisagismo, coleção botânica do Instituto e seus destaques, manutenção dos jardins, produção de plantas no viveiro e espaços que não são abertos a visitantes comuns fazem parte dessa experiência. Participantes investigam juntos ao mediador os belos jardins de Inhotim a partir de uma troca descontraída, rica em conhecimento técnico, científico e prático. A atividade tem duração de 2h30.

Quando: 10 de fevereiro

Horário: 14h

Observações: Necessita de inscrição prévia: R$ 40 por pessoa, não inclui o ingresso Inhotim. Vagas limitadas, até 25 pessoas por grupo. Saída da recepção.

-Visita Temática: Diversidade e representatividade na arte contemporânea

Qual a importância deste tema para os museus do Brasil e do mundo? A partir do próprio acervo artístico do Inhotim, a visita aborda o tema e propõe uma reflexão coletiva sobre as diferentes formas de se trabalhar a diversidade na cultura.

Quando: sábado, domingo e quarta-feira.

Horário: 10h30

Observações: É só avisar sobre seu interesse na recepção. A visita é gratuita

-Visita panorâmica

Para quem quer conhecer o Inhotim de uma forma geral, entender sua origem e as características dos acervos artístico e botânico, a visita panorâmica é uma ótima opção. Durante uma hora, a equipe educativa conduz o grupo por alguns pontos estratégicos do Instituto, apresentando o espaço e esclarecendo dúvidas. A visita é gratuita e tem duração de uma hora.

Quando: todos os dias do carnaval.

Horários: saída às 11h e às 14h.

INSTITUTO INHOTIM

Aberto ao público em 2006, o Inhotim já recebeu mais de 2,7 milhões de visitantes, sendo 400 mil de outros países. Localizado em Brumadinho, Minas Gerais, a 60 quilômetros da capital Belo Horizonte, o Instituto convida seus visitantes a se relacionarem com o mundo de forma mais crítica, consciente e transformadora. Atualmente, o acervo de arte contemporânea possui cerca de 1.300 obras. Destas, 700 estão expostas nas 23 galerias e nos jardins do Instituto. O Jardim Botânico é composto por cerca de 4,5 mil espécies nativas e raras de todos os continentes.

Patrocinado