Exposição Madonas Brasileiras da mineira Leonora Weissmann 16/05 a 28/07

Exposição ficará aberta ao público de 16 de maio a 28 de julho

O Museu Inimá de Paula abre as portas para a exposição “Madonas Brasileiras”, da mineira Leonora Weissmann, no próximo dia 16 de maio. O vernissage está marcado para quarta-feira, 15, das 19h às 22h. A exibição é da mais recente e inédita produção da artista, composta e agrupada por três trabalhos – duas grandes séries de pinturas, têmperas (técnica de pintura), vídeo e uma obra realizada especialmente para o espaço do museu.

Com curadoria de Manu Grossi, a mostra abriga quase uma centena de trabalhos, que são realizados em variadas técnicas, formatos e suportes. Revelam os principais assuntos e interesses de pesquisa da artista em toda sua carreira, são eles: a maternidade, a família, o retrato, a apropriação da imagem fotográfica, o lugar da mulher branca e negra na sociedade e sua representação.

As Madonas são telas feitas a partir de fotografias das escravas conhecidas como amas de leite, um registro comovente e perturbador de parte da história do Brasil. “Foi um esgotamento emocional dessas imagens, repetindo, desdobrando, buscando uma aproximação a essas histórias, negras e crianças”, conta Lenora.

Em outro trabalho, “Folhas e Ossos”, são exibidas três pinturas em grande formato feitas diretamente nas paredes da sala expositiva e que recebem paisagens estratificadas, duos cromáticos de silhuetas de folhagens e ossadas inventadas como se realizassem um poema sobre a memória, sobre a pele, sobreposições de formas e contraformas. 

“Espaços para o esquecimento” é o terceiro conjunto de obras e consiste em várias páginas, composições realizadas com a técnica de transferência de imagens e textos apropriados de jornais, revistas, fotografias e livros. São folhas diagramadas geometricamente e quase ilegíveis. 

Os três grupos formam um grande corpo, uma única obra que  abre um diálogo sobre a memória, a história contada através das camadas e sobre a própria pintura pós advento fotográfico, seu corpo, seu pensamento.  A exposição conta com o apoio da AM Galeria e Arte Molduras.

Data: 16 de maio a 28 de julho

Endereço: Rua da Bahia, 1201, Centro, Belo Horizonte.

Entrada gratuita.

Adicionar Comentários

Clique para comentar