Escola de Teatro PUC Minas apresenta a 34ª Mostra de Trabalhos 23/11 a 10/12

 

A partir de 23 de novembro, até 10 de dezembro, a Escola de Teatro PUC Minas apresenta a 34ª Mostra de Trabalhos de Final de Curso. Os espetáculos ocorrem no Espaço Cultural da Escola (entrada pelo acesso 9 na av. 31 de Março, prédio 20), Campus Coração Eucarístico, em Belo Horizonte.

O ingresso é 1 kg de alimento não perecível. As senhas serão distribuídas uma hora antes das apresentações, sujeito a lotação. A classificação etária é 16 anos.

Durante a 34ª Mostra de Trabalhos, acontece no foyer da Escola a exposição de fotografias Matriarcado, das 9h às 20h30.

Mais informações: (31) 3319-4015.

Programação:

Há Sempre Alguma Coisa para se Fazer a Seguir

(Livremente adaptado dos romances de Virginia Woolf – “As Ondas” & “Um teto todo seu”, dos contos “A Morte da Mariposa” & “O Sol e o Peixe” + trechos biográficos + “Sou Dona da minha alma”, de Nadia Fusini).

Direção, dramaturgia, seleção musical, iluminação, cenário e figurino: Cynthia Paulino.

Apresentações: 23, 24 e 25 de novembro – 20h30

Classificação etária: 16 anos

 

Desagradável

(Adaptação da obra “Senhora dos afogados”, de Nelson Rodrigues)

“O ser humano só se salvará se, ao passar a mão no rosto, reconhecer a própria hediondez”, disse Nelson Rodrigues em entrevista poucos meses antes de morrer.

Ainda hoje, o anjo pornográfico segue taxado por alcunhas diversas: tarado, obsceno, reacionário, maldito e louco. Gênio. Revolucionou o teatro nacional com seu “Vestido de Noiva”. Não se fez de rogado com o sucesso e escreveu na sequência suas quatro peças classificadas pelo crítico Sábato Magaldi como míticas.

“Senhora dos Afogados” é, em disparado, de todas elas, a mais “desagradável”, termo usado pelo próprio autor para designar este ciclo. A saga mórbida que rege os passos dos Drummond, uma família dita de moral e bons costumes, nada mais é que um espelho trincado onde sociedades apodrecidas escolhem se enquadrar apenas em cacos menores.

Direção, concepção cenográfica e iluminação: Luiz Arthur

Apresentações: 30 de novembro e 1º de dezembro – 20h30

2 de dezembro – 19h e 20h30

Classificação etária: 16 anos

Tarantino: teatro fanzine ficção e sangue

Teatro de Revista, homenagem e subversão. Os alunos do módulo II noite criam, com uma dramaturgia coletiva, um compilado de cenas, paródias e apropriações da obra de Quentin Tarantino.

Direção: Marina Viana

Dramaturgia: Marina Viana e elenco

Apresentações: 5 de dezembro – 20h30

6 de dezembro – 19h30 e 21

Classificação etária: 16 anos

Vermelha

A adolescente decide fugir da casa da mãe e ir viver com sua avó na cidade grande. E quem sabe lá, ou mesmo no meio da travessia perigosa, ela possa encontrar o que seu instinto tanto procura.

Este exercício de montagem, criado de maneira compartilhada entre alunos e professores, é uma livre adaptação da peça “Caminhos de sangue” de Camilo Pellegrini.

Direção e edição de texto: Amaury Borges

Apresentações: 9 de dezembro – 19h e 20h30

10 de dezembro – 19h

Classificação etária: 16 anos

 

Exposição Matriarcado

Concepção e bordados: Cynthia Paulino

Fotografia: Catarina Paulino

Arte Gráfica: Samara Martuchelli

Participam desta edição: Bella Michiellini, Dayane Lacerda, Didi Ávila, Duda Michiellini, Elisa Santana, Fabiana Marques, Hortência Maia, Heitor Silva Neves, Joana Santana, João Maciel, Lucca Maciel, Michelle Leugim,  Samira Ávila.

Classificação etária: 16 anos

Outras informações: (31) 3319-4444.

Patrocinado