Chamada de espetáculos para 1º FeNAPI – Festival Nacional de Arte Para as Infâncias de Belo Horizonte

 Insensata Cia de Teatro celebra 10 anos com festival de arte para as infâncias em abril de 2019

No ano em que comemora 10 anos de existência, a Insensata Cia de Teatro convida grupos e artistas de todo o país para que enviem propostas para a primeira edição do FeNAPI – Festival Nacional de Arte Para as Infâncias de Belo Horizonte. As inscrições estarão abertas até o dia 27 de janeiro e o festival acorrerá entre os dias 15 e 21 de abril.

O 1º FeNAPI é idealizado e realizado pela Insensata Cia de Teatro. Para dar espaço e visibilidade aos trabalhos artísticos dedicados às infâncias, serão realizadas 9 apresentações cênicas, que serão selecionadas por meio de um chamamento público, contemplando as áreas de teatro, circo, dança e performance. Serão selecionados três trabalhos de Belo Horizonte e região metropolitana, três do interior do estado mineiro e três de outros estados do país.

Para compor a programação do FeNAPI, são esperados trabalhos que investiguem o universo de criação cênica para crianças, buscando trilhar caminhos ainda pouco percorridos. Além dos trabalhos cênicos, serão convidados para compor a programação 2 oficinas e 1 palestra, além de mesas e bate-papos em parceria com universidades e escolas de teatro. A palestra será ministrada por Dib Carneiro Neto, crítico especializado em teatro para crianças.

Fundada em 2009, a Insensata Cia de Teatro vem, desde 2014, de maneira ininterrupta, desenvolvendo pesquisa dedicada ao teatro para as infâncias, compreendendo “infância” como eixo basilar de todo ser humano, de qualquer idade cronológica.

“Estamos totalmente imersos na investigação cênica para crianças, buscando a valorização das infâncias. O 1° FeNAPI será uma oportunidade de ampliar horizontes e trocar com outros artistas e grupos que têm se dedicado à essa mesma reflexão, possibilitando um panorama possível do que tem sido criado em nossa cidade, estado e país”, explica Brenda Campos Diretora, produtora, atriz da Insensata Cia de Teatro e idealizadora do festival.

Em nossa cultura ainda prevalece uma concepção de infância que coloca a criança como incapaz, o que leva a construção de muitos tabus, do que se pode ou não fazer e discutir nas produções destinadas a tal público. “Na tentativa de quebrar com as barreiras que ainda existem entre a prática e a produção crítica e acadêmica, além das apresentações que já se caracterizam como atividade de formação de público, nas palestras, nas oficinas, bate-papos e críticas que serão desenvolvidas em parceria com críticos e pesquisadores da área, pretendemos impulsionar o pensamento crítico sobre o Teatro para as Infâncias”, diz Keu Freire, diretor, produtor, ator na Insensata Cia de Teatro e idealizador do festival.

“Pensar as artes e as infâncias é também pensar sobre as possibilidades de futuro. Acredito que neste momento, pensar essa combinação seja ainda mais desafiador, pois é quase como se precisássemos reinventar caminhos. Queremos pensar juntos formas de [re]existir, especialmente no que diz respeito à formação social e Valorização das crianças e seu pensamento crítico”. Defende Carol Fescina, curadora em artes cênicas que compõe a equipe de curadoria do festival

Inscrições: até 27 de janeiro

Editaldrive.google.com/file/d/1Sh_lsT6Nil8VGe-PwAbv9aa19ppTtI9x/view?usp=sharing

Anexoshttps://drive.google.com/file/d/1F-VlGrNUspdjk6iLYPTsP64KJ7vj_iPm/view?usp=sharing

Realização do festival: 21 a 25 de abril de 2019

Ficha Técnica

Idealização e Coordenação Geral: Insensata Cia de Teatro: Brenda Campos e Keu Freire

Curadoria: Brenda Campos, Carol Fescina e Keu Freire

Adicionar Comentários

Clique para comentar