A necessidade do supérfluo – reflexões sobre a linguagem poética 26/04

Academia Mineira de Letras recebe a palestra A necessidade do supérfluo – reflexões sobre a linguagem poética, com o professor doutor Antônio Sérgio Bueno, no dia 26 de abril, a partir das 19h30.

O evento faz parte do programa Universidade Livre – Plano Anual de Manutenção AML, realizado mediante a Lei Federal de Incentivo à Cultura, com patrocínio do Instituto Unimed-BH, por meio do incentivo fiscal de mais de 4,7 mil médicos cooperados e colaboradores. A AML integra o Circuito Liberdade.

Na ocasião, o professor doutor Antônio Sérgio Bueno aborda a linguagem do poético: sons, imagens e temas. Serão discutidos o conceito de beleza e a divisão tripartite de Ezra Pound: melopeia, fanopeia e logopeia, associados à musicalidade, às imagens e ao conteúdo do poema. Propõe, ainda, uma reflexão densa, mas clara e leve, sobre a linguagem poética, a qual procura explorar o máximo das possibilidades das línguas e até, ou principalmente, suas impossibilidades.

Como exemplo, o palestrante cita o filósofo, escritor e poeta francês Paul Valéry: “A poesia é uma arte da linguagem. Certas combinações de palavras podem produzir uma emoção que outras não produzem, e que denominamos POÉTICA. Reconhece-se o poeta pelo simples fato de que ele transforma o leitor em INSPIRADO”.

O ensaísta e professor Antônio Sérgio Bueno é mestre em literatura brasileira e doutor em literatura comparada pela UFMG, onde lecionou literatura brasileira durante 30 anos. É autor dos livros “O modernismo em Belo Horizonte”, “Afonso Ávila” e “Vísceras da Memória: uma leitura da obra de Pedro Nava”.

 

Data: 26 de abril

Horário: 19h30

Local: Academia Mineira de Letras (Rua da Bahia, 1466 – Lourdes – BH/MG).

Entrada gratuita. academiamineiradeletras.org.br

 

Instituto Unimed-BH

Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH foi criado em 2003 com a missão de conduzir o Programa de Responsabilidade Social Cooperativista da Unimed-BH. Os projetos desenvolvidos têm na saúde sua área prioritária, mas mantêm interface com outros campos por meio de cinco linhas de ação: Comunidade, Meio ambiente, Voluntariado, Adoção de espaços públicos e Cultura.

 

Adicionar Comentários

Clique para comentar