Mostra A Ditadura na Tela 07/08 a 28/08

Museu da Imagem e do Som traz filmes e debates sobre a ditadura no Brasil

A Fundação Municipal de Cultura realiza durante o mês de agosto, no Museu da Imagem e do Som (MIS) a 7ª edição da mostra “A Ditadura na Tela”.  Realizada em parceria com o Núcleo de História Oral (NHO) da FAFICH, a mostra apresenta filmes nacionais recentes que abordam aspectos distintos das memórias da ditadura militar no Brasil (1964-1985).

Com curadoria de Carolina Dellamore, Gabriel Amato, Natália Batista (pesquisadores do NHO) e Siomara Gomes Faria (gestora do MIS-BH), a sétima edição da mostra “A Ditadura na Tela” seguirá a mesma dinâmica das anteriores. Desta vez, serão exibidos os documentários “Retratos de Identificação”, “1968 – a Greve de Contagem” e “Soldados do Araguaia”, seguidos respectivamente de debates com os diretores Anita Leandro e Carlos Pronzato e com o professor Dr. Rodrigo Patto Sá Motta (UFMG).

 

Dias 7, 21 e 28 de agosto | terças-feiras | às 19h

Museu da Imagem e do Som

Av. Álvares Cabral, 560, Centro

ENTRADA GRATUITA

Informações para o público: (31) 3277-4131

 

PROGRAMAÇÃO

DIA 7 DE AGOSTO, ÀS 19H

Retratos de Identificação (Documentário | Dir. Anita Leandro | 12 anos | 71 min | 2014 | Brasil)

Exibição do documentário seguida de debate com a diretora Anita Leandro.

DIA 21 DE AGOSTO, ÀS 19H

1968 – a Greve de Contagem (Documentário | Dir. Carlos Pronzato | Livre | 50 min | 2018 | Brasil)

Exibição do documentário seguida de debate com o diretor Carlos Pronzato.

 

DIA 28 DE AGOSTO, ÀS 19H

Soldados do Araguaia (Documentário | Dir. Belisário Franca | 14 anos | 73 min | 2018 | Brasil)

Exibição do documentário seguida de debate com o Prof. Dr. Rodrigo Patto Sá Motta (UFMG)